Visite o site da Universidade de Taubaté! 

 

Última atualização

02/02/2005

 

 

 

 

Departamento de Ciências Agrárias

 

Bacia do Rio Una

 

LOCALIZAÇÃO DA BACIA


 


 

PRINCIPAIS FORMADORES
 

A bacia do rio Una é formada pela união do ribeirão das Almas com o rio da Rocinha e seus afluentes (Itaim, ribeirão das Pedras ou Ipiranga, ribeirão das Sete Voltas, rio das Antas, ribeirão do Registro, e demais tributários da bacia), perfazendo uma área de 476 km².
 
 

FOTOGRAFIAS DA BACIA


 

 


PRINCIPAIS PROBLEMAS

- Lançamentos de esgoto "in natura" no curso do Una e afluentes
- Rápida expansão urbana e ocupação irregular do solo
- Presença dos Distritos Industriais e de aterro sanitário com risco de poluição de aqüíferos.
- Degradação de mata ciliar por atividade de mineração
- Problemas de parcelamento do solo rural, com fomento a processos erosivos e de assoreamento dos afluentes do Una
- Desmatamento em áreas localizadas onde existe a presença de lavouras temporárias de subsistência, em loteamentos rurais.

 

 

METAS PREVISTAS NO PLANO DE BACIAS PARA O ANO DE 2003
 

BACIAS AFLUENTES

METAS DE INTERVENÇÃO - ESTUDOS SERVIÇOS E OBRAS - UGRHI-2 

BENEFÍCIOS DA META

VALOR R$ 1000

RIO UNA - BACIA 53

M8 -  Reduzir o carregamento de partículas sólidas no  ponto de captação para o abastecimento de           Taubaté

População de Taubaté, Tremembé. (278.793  hab.)

3.221,70

M9 -  Manter a qualidade da água no trecho inferior, dentro do padrão classe 2

População de Taubaté,   Tremembé e a população que se abastece de água do Rio Paraíba do Sul em   Pindamonhangaba   (411.169 hab)

 16.137,47

                                                                     

 

                                                                      Voltar               

 

 


LINKS 

 INTERESSANTES: